Sobre o resgate do feminino: para yin e para yang

benzaiten - Utagawa Kunisada.jpg

Gravura de Utagawa Kunisada retratando Benzaiten (deidade budista sobre tudo o que flui: água, tempo, palavras, eloquência, beleza, música, artes e conhecimento e a delicadeza.

O papel do feminino em algum ponto da história da humanidade não foi bem entendido. E acomodados que somos, a humanidade tolhiu e acobertou esse papel dentro da mulher e inclusive, dentro do homem.

Hoje tantas mulheres lutam para que resgatemos o valor do que já era nosso. O nosso útero, nossos ciclos, nosso modo de ver o mundo, nossos hormônios, nossa delicadeza, nossa asperidade, nossa desenvoltura, nossa rispidez, nossa capacidade de acolhimento.

Vivemos em uma sociedade patriarcal em que a mulher é tida como objeto, suas aptidões desvalorizadas e onde se reforçam padrões estéticos e comportamentais superficiais, na tentativa de limitar a beleza da espontaneidade, do poder próprio, do livre arbítrio e da opinião questionadora. Tudo o que se pregou e ainda se prega se deu para manter o nosso livre arbítrio controlado. Por que? Porque controle é poder. E poder sobre os outros é algo que vende, algo que enriquece alguns e algo que mantém privilégios.

Assim, esse resgate para ser mais puro, bonito e evoluído, deve ter um quê de resgate do poder próprio, do nosso livre arbítrio. Nada sobre poder sobre alguém. Devemos resgatar e reconhecer a nossa sacralidade das coisas, do que é natural para que fiquemos mais integrad@s conosco mesm@s e com os nossos próximos. Devemos aprender a cada dia a nossa capacidade incrível de argumentação. Para isso devemos ler, ponderar pontos de vista, ver a tese, a antítese e chegar com nossa própria bagagem, à síntese. Só com o poder de comunicação consigo mesm@s e com o mundo ao redor, é que conseguiremos uma mudança pertinente, ainda que lenta, no status quo.

Sejamos yin, sejamos yang.

~

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s